Shania Twain

quarta-feira, abril 26, 2006

Shania e seu poder de sedução

Olá Pessoal,

Sei que esse blog tem por finalidade tratar essencialmente de Shania, mas mesmo que este post fuja um pouco da mesma e penda para minha vida pessoal, o objetivo, na realidade, não será deixado de lado.
Hoje, apresentei um trabalho de escola na aula de português. Com o tema a livre escolha, não perdi a oportunidade de divulgar Shania, escolhendo-a para desenvolver e prestigiar o mesmo. O trabalho não foi difícil, pois, como que sou, tenho conhecimento e facilidade para falar sobre sua carreira, mas um único problema me fez ter receio em usar Shania como base ao trabalho, a necessidade de conteúdo.
Sendo o trabalho para uma aula de língua portuguesa, ter-se-ia que escolher algum tema que tivesse conteúdo a se desenvolver produtivamente na aula. Qualquer biografia seria afetada em sua conclusão, pois a mesma se limitaria a lições de vida, não dando liberdade assim para que pudéssemos debater um tema e prender a atenção da turma com este debate. Principalmente levando em conta que a maioria dos jovens brasileiros não conhece o nome Shania Twain e não é muito chegada à um bom country americano, não podia esperar muito deste trabalho. Como resolvi este problema? Utilizando o meio mais feliz de se prender a atenção de uma massa que disponíamos no momento, a música e vídeo!
Com direito a televisão e DVD Player em sala, pus um CD a pouco gravado especialmente para apresentação e que continha "Man! I Feel Like a Woman!", "Don't", "Ka-Ching", "From This Moment" entre outras do mesmo escalão. Comecei apresentando Shania e um brevíssimo resumo de sua vida (brevíssimo mesmo, só disse algumas frases de influência pra prender a atenção, hehe). Eu e minha equipe lemos uma biografia (bem, alguns membros leram tão baixo que nem mesmo eu escutei...) e planejava mostrar a todos o clipe de “I'm Gonna Getcha Good!”e outros vídeos. Enquanto a equipe permeava o fim da biografia, observava a falta de atenção de uma aluna (não a única). Pelo meu conhecimento, ela não gostava nada de country. Quando disse o assunto de nossa apresentação, logo no início, foi a primeira a dizer "Ah, não!", com aquela expressão de desgosto premeditado... Bem, comecei a passar IGGG, e, para minha estranheza, a sala inteira prestou uma atenção inacreditável, inclusive a aluna anticountry. Já esperava que ninguém fosse vaiar, ou ao menos dormir em na apresentação, mas nós ficamos praticamente invisíveis enquanto ao lado da TV. Ninguém tirava os olhos de Shania, alguns apenas comentavam o vídeo, no máximo.
Mas como nada na vida é perfeito, o VCD que levei não foi lido corretamente pelo DVD local, que insistia em não mostrar os outros 9 clipes que ali havia, somente IGGG e Forever And For Always rodavam corretamente. Mas o tempo corrido colaboraou para não ficarmos bobos plantanos na frente da classe sem nada a mostrar. A aula tinha corrida já uns 35 minutos.
Depois de nossa apresentação e conclusão chegou a hora da nota, que era dada pela professora e tinha por base os comentários de três alunos. Como temerosamente já esperava, a aluna anticountry foi a primeira a comentar. Não que eu estivesse temendo perder pontos, mas a opinião dela contava bastante no conceito da professora. Não sei o que aconteceu com ela ou se foi tomada por um espírito de fraternidade (ou sei lá o que), só sei que ela deu "ótimo" pra o nosso trabalho. E olha que nem deu tempo de passar o Live In Chicago!
Bem, depois dessa postagem enorme, só tenho a dizer: Shania conquista até a quem menos esperamos, e isso sim é sedução!

Fiquem com mais um wall, espero fazer mais uma série de wallpapers sendo este o primeiro, mas isso ainda não é de todo certo.


Abraços

2 comentário (s):

JUH disse...

lindo wall XD
bela foto!!!

^^

erica disse...

olçá paulo!!
to atrasada pra aula, nem tomei banho ainda, ahhhhhhh, vou chegar atrasada!!! mas no podia dexar de ler inteirnho seu texto e nem de concordar contigo!! vc é um dos meus: adora e saber escrever muito, e muito bem!!!!
nossa, eu se pudesse, faria o msm, espero poder ter essa oportunidade pois sempre tem uma pedra no nosso sapato, uma pessoa q reprova o nosso gosto, ou poior ainda no meu caso e mulher: acham ridiculo eu ficar amando uma mulher,justamente por ser uma mulher. eu nao vou ficar amando o brad pitt ou o tom cruise só pq eles tem beleza, pra eles tem q ter talento, e é por isso q amo a sha, o fato de ela ser linda, maravilhosa, encantadora, sedutora e sinomnimo de perfeiçao, sao apenas detalhes, meros detaçlhes,rs.
te amo!!
qndo der eu falo mais!
no msn a gente comenta mais dobre iss: sobre uns a amarem por causa da gente, e outros detestarem pelo msm.
mil bjos erica.
perdao nos erros love!!!!

Postar um comentário

Evite o uso de linguagem não apropriada.